Rui Palmeira pode definir até o novo vice do governador Renan Filho


16 Fev, 2018

Renan Filho diz que não está preocupado com a eleição, com candidaturas etc.
Vários dos seus interlocutores, no entanto, afirmam que ele sempre está com uma pesquisa na mão, para mostrar seu favoritismo no pleito.
E ele, de fato, é favorito hoje.
Apesar do seu discurso, de desdém às eleições, ele só pensa naquilo.
E aguarda a decisão do prefeito Rui Palmeira – se será ou não seu adversário – até para definir o seu vice, na nova disputa.
Mas, ao que parece, ainda vai demorar um pouco.
Palmeira retorna a Maceió, disse um assessor, no dia 22 – reassume no dia seguinte -, mas ainda não vai dizer o que pretende para outubro.
Acredito que ele vai bater chapa com Renan Filho.
Esperar pelo seu anúncio público, entretanto, é mais prudente.
Consideremos, por exemplo, a possibilidade de Rui Palmeira formar uma dobradinha com Rodrigo Cunha – como vice.
Uma chapa puro-sangue – palaciana – ficaria mais difícil.
A lembrar: em 2014, o vice de Renan Filho seria Judson Cabral, até para quebrar a resistência do eleitorado de Maceió aos Calheiros.
(Renan pai, por exemplo, perdeu a eleição para prefeito de Maceió, em 1988, para Guilherme Palmeira.)
Como as pesquisas mostravam que Renan Filho ganharia fácil a eleição ao governo, Luciano Barbosa ganhou a vice de presente. Ainda assim, a dobradinha do PMDB só conseguiu 33% dos votos dos alagoanos – o suficiente para a vitória.
Cada cenário com seus personagens.
Ou seja: vai depender de Rui Palmeira a definição do vice de Renan Filho.